Seja bem-vindo. Hoje é

12/12/08

Qué qué isso ó meu?!


«Depois do trabalho gosto de divertir-me. E se as discotecas existem para isso, para o diabo com os moralistas»
Ronaldinho, jogador do Milão

O antigo lateral-esquerdo Fernando Mendes já tinha dito há cerca de um ano que "os jogadores têm direito a vida pessoal e a sair quando quiserem. Eu saía três vezes por semana e joguei até aos 36 anos. Esta é uma polémica portuguesa."

Polémica sim, apenas portuguesa não. A prova é que Ronaldinho está a ser bastante criticado em Itália depois de já o ter sido em Espanha. E com razão porque um jogador profissional tem de ser sempre profissional, esteja dentro das quatro linhas ou não e o craque brasileiro não tem sido nas últimas épocas. E isso nota-se na sua carreira.

Mas sobre este assunto o lavrador de Palmela chegou a dizer algo interessante, penso mesmo que foi a única coisa interessante que ele disse desde que nasceu. "O Futre vinha cheio de vícios. Só para se ver, o colega de quarto no Sporting era o António Oliveira, um rebelde e uma má influência. Nas Antas atribuiu-se-lhe logo o Frasco como colega de quarto. E vejam no jogador que o Futre se tornou no Porto."

De qualquer maneira, sendo moralista, sou dos que pensam que a virtude talvez esteja no meio. Sair sim, mas com limites porque se os excessos têm feito mal à carreira de Ronaldinho como já fizeram a outros monstros do futebol mundial, também é verdade que o lavrador de Palmela não saia à noite e no entanto foi um jogador mediano, um péssimo treinador e é uma pessoa detestável que nem os anti-portistas conseguem aturar.
Enviar um comentário

Pesquisar neste blogue

Mensagens populares

Subscrever / Email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Subscribe to PORTOGAL by Email

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!
Hulk e Sapunaru foram castigados com apenas 3 e 4 jogos.
tag cloud Portugal Top Estou no Blog.com.pt blogaqui? Assinar com Bloglines Futebol Português Eu sou Desportista