Seja bem-vindo. Hoje é

09/10/07

Carolina ajuda Pinto da Costa

  • Na semana passada, vi um artigo no Portugal Diário com este título: "Pinto da Costa ajuda Carolina". No minimo estranho. Resolvi ler o artigo para tentar perceber o que se estava a passar, porque não podia areditar que o Presidente do FC Porto estivesse com vontade de ajudar uma pessoa que tanto o prejudicou. E vi que afinal a ajuda tinha a ver com umas pseudo-declarações de Pinto da Costa onde este terá dito em relação ao processo dos incêndios aos escritórios dele e do advogado Lourenço Pinto, que estava em causa "um mero crime de dano simples, punido com prisão até três anos". Mais leve, portanto, do que o MP prevê já que acusou Carolina de tentativa de incêndio, crime punido com prisão de três a dez anos. E claro, Carolina que, nos últimos meses tem dito que Pinto da Costa só sabe mentir, desta vez acreditou nele.
    Mas o que a jornalista Cláudia Rosenbusch não escreveu é que, sem querer, Carolina Salgado, através do seu advogado, também acaba por ajudar Pinto da Costa quando acusa Paulo Lemos e Rui Passeira, os dois "artistas" que foram pagos por ela para incendiarem os escritórios, de não serem uma «prova credível», estarem «de relações cortadas com a arguida, nem terem qualquer credibilidade». Porque ela própria, é uma prova pouco credível e também estava de relações cortadas com o ex. companheiro quando fez as acusações que a terrorista Maria José Morgado aproveitou. E tal como os outros dois, também não tem, nem nunca teve, qualquer credibilidade. Tanto assim é que acabou por pedir o arquivamento do caso por não querer ter a «experiência vexatória e traumatizante de um julgamento». Tendo para isso apresentado uma única testemunha: O pai, Joaquim Salgado. Claro. Agora que as coisas começaram a aquecer, a "justiceira do povo" olha para o lado e não vê ninguém que acredite nela. Nem mesmos os lampiões que lhe escreveram o livro e a usaram nos ataques ao Presidente do FC Porto.

  • Às suas ordens, meu sargentão
    Para além das selecções portuguesa e brasileira, Scolari também já treinou mais de uma dezena de clubes, alguns com sucesso, outros nem por isso. E de entre os clubes onde o brasileiro foi feliz, destacam-se dois: Grémio e Palmeiras. Que se defrontaram, há dias, num jogo a contar para o "brasileirão" - vitória do Palmeiras por 2-0, e onde os jogadores do Grémio mostraram que, naquele clube, as ordens do sargentão continuam a ser acatadas por todos. Que o diga Valdivia, jovem chileno de 24 anos, que, sózinho, teve de defrontar um exército de valentes soldados. Com êxito, diga-se.
  • Enviar um comentário

    Pesquisar neste blogue

    Mensagens populares

    Subscrever / Email

    Enter your email address:

    Delivered by FeedBurner

    Subscribe to PORTOGAL by Email

    2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!

    2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!
    Hulk e Sapunaru foram castigados com apenas 3 e 4 jogos.
    tag cloud Portugal Top Estou no Blog.com.pt blogaqui? Assinar com Bloglines Futebol Português Eu sou Desportista