Seja bem-vindo. Hoje é

28/04/07

Os jogos que podem decidir títulos

Se o jogo de Coimbra éra para o FC Porto o mais importante da época, o de hoje à noite no Bessa pode decidir o título. O de Portugal, claro, porque o título de campeão da segunda circular apenas se decide amanhã entre os dois vizinhos. Com os adeptos do Sporting a fazerem-se ouvir perto do relvado para desgraça do bigode de Luís Filipe Vieira que assim vai ser obrigado a fazer a festa da maneira que menos queria. Mas como parece que agora o problema reside apenas no pavilhão não se passa nada.

Por falar nisso, parece que os lamps ficam depenados quando têm de defrontar o FC Porto em pavilhões tal como acontece nos estádios. Então não é que perdem em tudo? Foram humilhados também no Hóquei, no Basquetebol...e sem os Super Dragões. Como seria bonito o desporto em Lisboa se não existisse o FC Porto!

O Pato sempre dentro do acontecimento

Ao mesmo tempo que - tal como O PATO já o divulgou - no que diz respeito aos assistentes, houve 13 “chumbos”, um dos quais o de José Luís Melo, o tal que vai agora estar presente no Boavista-FC Porto e que se tornou famoso num Salgueiros-Benfica de 30 de Janeiro de 2000 - um jogo que os encarnados de Lisboa venceram por 2-1 com um golo de Poborsky marcado em “fora-de-jogo de quilómetros”, o que de resto valeu ao dito assistente a (também ela famosa) alcunha de “Benfiquista de Valongo”... Um golo que mereceu de resto de toda a comunicação social o epíteto de “golo fantasma”, o que não impediu contudo Vale Azevedo - presidente do clube da Luz de então - de ter o seguinte desabafo: “Estamos a ser obstruídos pela máfia do futebol”!!! Como diria o Pessa: e esta, hem?

Polícia
ALCIDES FREIRE

Quando não queria comer a sopa a minha mãe ameaçava com a assustadora frase "olha que eu chamo o polícia". Como nasci depois do 25 de Abril, já não era a PIDE, mas ainda assim metia medo que se fartava. Acredito que até os polícias usam a expressão lá em casa e bem a propósito, já que, de facto, a polícia não só aparece como lá mora. Ao saber, ontem que, afinal, a PSP aconselha e não dá ordens, lembrei-me das colheres de sopa que podia ter recusado. Seja como for, é de louvar o espírito dialogante das forças de segurança, em especial quando os conselhos são dados junto de um carro do Corpo de Intervenção e logo à saída das portagens de Alverca. Não foi uma ordem, foi um conselho que convenceu os adeptos do FC Porto a esquecerem o jogo de hóquei em patins e a regressarem a casa. Aliás, se há exemplos recentes de que os conselhos da PSP de Lisboa são seguidos à risca é o clássico de futebol entre Benfica e FC Porto. A PSP aconselhou a não instalar os adeptos do FC Porto na bancada superior e... eles foram para lá na mesma. Mais valia ter dado uma ordem. Na altura, não pareceu perigoso ter milhares de adeptos por cima de adeptos rivais. Na quarta-feira a tragédia pareceu iminente, porque havia uma centena de adeptos a caminho de pavilhão da Luz. Aquando do jogo de futebol o Benfica não viu problema em colocar os adeptos numa bancada superior, desta feita avisou a polícia do perigo resultante de uma centena de adeptos da equipa adversária a caminho do pavilhão. Pudesse eu voltar à infância e tinha começado a comer arroz e batatas mais cedo.
Enviar um comentário

Pesquisar neste blogue

Mensagens populares

Subscrever / Email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Subscribe to PORTOGAL by Email

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!
Hulk e Sapunaru foram castigados com apenas 3 e 4 jogos.
tag cloud Portugal Top Estou no Blog.com.pt blogaqui? Assinar com Bloglines Futebol Português Eu sou Desportista