Seja bem-vindo. Hoje é

18/12/08

Dois Portos e apenas um pode jogar.

No inicio desta época muitos adeptos e um ou outro paineleiro televisivo criticaram os reforços contratados pela Sad do FC Porto. Não os conheciam de lado nenhum, viram-nos jogar de azul e branco uma ou duas vezes e já os criticavam.
Neste momento já são menos os que pensam que a Sad do FC Porto errou nas contratações. É normal, os reforços já sabem do que a casa gasta, começam a conhecer a mistica vencedora e a mostrar o que valem. Ao ponto de alguns já questionarem Jesualdo Ferreira porque razão Guarin, Pelé, Tomás Costa, Farías ou Candeias não entram na equipa titular. A resposta é simples: Só podem jogar onze de cada vez e em equipa que vence não se mexe ou mexe-se o menos possível. É isso que o professor está a fazer com óptimos resultados.

No entanto existia uma solução se a Liga estivesse interessada em dar alguma credibilidade ao futebol português. Afastava os clubes que têm salários em atraso e convidava o FC Porto a competir com uma segunda equipa. Temos jogadores de qualidade em excesso, os salários estão sempre em dia (mesmos os dos jogadores que estão emprestados aos tais clubes devedores) e de certeza que podiamos formar duas equipas sem dificuldade, uma para ser campeã e levar bem alto o nome de Portugal na Liga dos Campeões e outra para lutar pelo segundo lugar e vencer competições que não interessam nem ao menino Jesus como a Taça de Oeiras.

Agora mais a sério. Bem sei que o mundo vive uma grave crise económica e apenas em Portugal existem milhares de trabalhadores com salários em atraso principalmente no norte onde as empresas de texteis e calçados tiveram um ano muito complicado. No futebol não pode ser diferente, todos estamos fartos de saber. Mas se os clubes são obrigados a dar garantias porque razão não proibiram o Estrela de competir na Liga portuguesa? É verdade que isso não dava de comer aos jogadores e treinadores mas será justo que uns clubes apertem o cinto para terem as suas contas em dia enquanto outros vivem acima das suas possibilidade só para terem um plantel competitivo na Liga principal?

"Tivemos de fazer um trajecto normal. As coisas não nascem feitas, nem ninguém aprende tudo no dia em que chega. Fizemos um longo caminho, com dificuldades, não foi fácil chegar ao sucesso. Treinámos e trabalhámos muito. Hoje, no entanto, podemos dizer que estamos mais organizados mas creio que ainda estamos longe do que podemos atingir"
Jesualdo Ferreira
Enviar um comentário

Pesquisar neste blogue

Mensagens populares

Subscrever / Email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Subscribe to PORTOGAL by Email

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!
Hulk e Sapunaru foram castigados com apenas 3 e 4 jogos.
tag cloud Portugal Top Estou no Blog.com.pt blogaqui? Assinar com Bloglines Futebol Português Eu sou Desportista