Seja bem-vindo. Hoje é

05/03/09

Diz que é uma espécie de portista

Não sei se Rui Moreira, com o seu estilo"british" de um gentleman nortenho, tenta a todo o custo comparar-se ao estilo "camponês analfabeto" de Luís Filipe Vieira ou se é a amizade com António-Pedro Vasconcelos que lhe está a dar a volta à cabeça.

Diz ele, em relação à contratação de jovens portugueses como Miguel Lopes e Silvestre Varela, que é uma "confissão do fracasso". E lamenta que esta viragem "não tenha sido antecipada como política estratégica há mais tempo, mas só agora, forçada pelas circunstâncias".

Não cheguei a perceber a que esse senhor se refere quando fala "há mais tempo". Será que está a pensar no FC Porto que conquistou a Taça Uefa e a Liga dos Campeões? No anterior? Posterior? Só ele saberá desfazer este enigma.

De qualquer maneira, o FC Porto já contrata jovens portugueses e estrangeiros há dezenas de anos com óptimos resultados desportivos e financeiros. E vai continuar a contratar porque, felizmente, o que ele diz não se escreve.

"Isto é uma confissão do fracasso. Se tivesse sido feito antecipadamente, a situação da SAD seria bem mais saudável nesta altura e o FC Porto não seria obrigado a vender os seus anéis todos os anos, como acontece."

Será que o presidente da Associação Comercial do Porto não sabe que neste momento existe uma crise que é mundial e que, apenas em Portugal, centenas de milhares (ou serão mais?) de trabalhadores estão desempregados porque as empresas onde trabalhavam fecharam as portas? Ou que a Sad do FC Porto, por maus resultados que apresente, consegue ser a que tem melhor performance das três grandes?

Mas tudo bem, parece que o problema do homem é a paixão que ele tem pelos jovens portugueses. Só que depois dá uma no cravo e outra na ferradura quando chama aos estrangeiros "anéis" que não deviam ser vendidos. Ou seja, por muito que lhe custe, está a admitir que a Sad contratou os tais "anéis" estrangeiros baratos, valorizou-os e vendeu-os com bom lucro.

Será esta a má politica que o Rui Moreira não quer?

O que faz o FC Porto ser recordista de vendas alguns anos? Acima de tudo a boa politica da Sad, reconhecida e bastante elogiada no estrangeiro. Porque, mais impressionantes do que as dezenas de milhões de euros que o FC Porto consegue lucrar quase todas as épocas em transferências, são as outras dezenas de milhões de euros que escolheu, deliberadamente, não ganhar.

Lucho, Lisandro e Bruno Alves continuam a vestir de azul e branco porque a Sad do FC Porto não aceitou as várias propostas que recebeu. E para colmatar as saídas ainda foi buscar outros dois "anéis", Hulk e Rodriguez.

Podem dizer que estamos a gastar muito dinheiro em jogadores. É verdade. Mas, mais uma vez, o F.C. Porto foi o único que, no último verão, apresentou um resultado financeiro positivo na relação entre compras e vendas, já que despendeu 26,9 milhões de euros em contratações mas recebeu 49,4 milhões com as saídas de jogadores. Todos os anos é a mesma coisa. Saiem alguns bons e entram outros melhores. E por isso temos dominado o futebol português nas últimas décadas.

Será esta a má politica que o Rui Moreira não quer?

Só para recordarmos, o Benfica e o Sporting tiveram um saldo bastante negativo no campeonato das transferências. A Sad encarnada gastou mais de 18 milhões em contratações e apenas vendeu o Nelson ao Bétis por uns miseráveis 5 milhões de euros ao contrário do que alguns previam, enquanto a dos vizinhos da segunda circular teve um saldo negativo de 9,65 milhões.
Parece que os "anéis" são raros para aqueles lados.

Será esta a boa politica que o Rui Moreira deseja?
Enviar um comentário

Pesquisar neste blogue

Mensagens populares

Subscrever / Email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Subscribe to PORTOGAL by Email

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!
Hulk e Sapunaru foram castigados com apenas 3 e 4 jogos.
tag cloud Portugal Top Estou no Blog.com.pt blogaqui? Assinar com Bloglines Futebol Português Eu sou Desportista