Seja bem-vindo. Hoje é

25/09/07

Rumo ao Tri


2007/08
1 FC Porto 15 (12)
3 Sporting 10 (12)
4 Benfica 9 (10)

  • A classificação não engana, o FC Porto é de longe o grande vencedor deste começo de campeonato. E se é verdade que em relação às primeiras cinco jornadas da época passada, os três pontos que a equipa tem a mais são pouco importantes, se analisarmos os resultados que a equipa de Jesualdo Ferreira fez com Braga, Sporting, U. Leiria, Maritimo e P. Ferreira, a diferença é enorme - apenas quatro pontos contra os quinze que tem esta época.

    Sp. Braga 1-2 FC Porto (2-1)
    FC Porto 1-0 Sporting (0-1)
    U. Leiria 0-3 FC Porto (1-0)
    FC Porto 1-0 Marítimo (3-0)
    P. Ferreira 0-2 FC Porto (1-1)

    O Sporting está no sentido inverso pois esta época tem menos dois pontos que na época passada à quinta jornada e menos cinco pontos no confronto directo com as equipas que já defrontou.

    Sporting 4-1 Académica (1-0)
    FC Porto 1-0 Sporting (0-1)
    Sporting 1-0 Belenenses (4-0)
    Est.Amadora 0-2 Sporting (0-1)
    Sporting 2-2 V. Setúbal (3-1)

    No caso do Benfica as estatísticas são mais complicadas porque as rosinhas, embora tenham, à quinta jornada, apenas um ponto a menos que na época passada, já defrontaram dois clubes que subiram esta época à Liga Bwin e não venceram nenhum mas também não perderam. No entanto, no confronto directo com o Braga, o clube está a ganhar um ponto. Um pouco no seguimento da época passada, portanto. Será que o terceiro lugar final também se vai repetir?

    Leixões 1-1 Benfica (-)
    Benfica 0-0 V. Guimarães (-)
    Nacional 0-3 Benfica (0-2)
    Benfica 3-0 Naval (2-1)
    Sp. Braga 0-0 Benfica (3-1)

  • A inauguração da casa de Guimarães

    Parece que os tipos da cidade berço ameaçaram fazer estragos e a inauguaração foi adiada. Estou de acordo. Com o adiamento, claro, porque a segurança dos adeptos portistas está primeiro do que qualquer fita por mais simbólica que seja. Mas também fiquei contente por saber que existiram ameaças porque quem as fez apenas tentou combater o "invasor". E se o termo é forte demais, espero não ser mal interpretado porque os adeptos portistas de Guimarães e de todas as outras cidades do país onde existem casas do FC Porto, têm todo o direito a ter um local onde possam conversar e festejar os títulos do clube em "familia". Não é isso que está em causa. É que embora desaprove completamente o "cocktail Molotov" e as ameaças que António Soares tem recebido em sua casa e na escola onde trabalha, fiquei de certa maneira contente por saber que os adeptos do Vitória mostraram, uma vez mais, que têm tomates para lutar pelo seu clube, doa a quem doer. E isso é algo que muitos de nós, portistas, estamos, infelizmente, a esquecer. De qualquer maneira, o importante é que, segundo já li algures por aí porque não conheço, a casa existe há dois anos e vai servir de ponto de encontro quando, no final da época, todos os portistas de Guimarães comemorarem mais um campeonato, o Tri, do clube mas também da casa.

    Assim se defende o clube representativo da cidade. Olha se fosse a besta do Rui Rio!

    "O presidente da Câmara (António Magalhães) podia fazer qualquer coisa. Ele sabe o que é que se passa, até porque solicitei-lhe que recebesse os responsáveis do FC Porto, nesse dia, nos Paços do Concelho, como é hábito nestas ocasiões, e ele negou-se"
    António Soares, presidente da casa de Guimarães.

  • Fair-Play sim, mas nunca à moda do Bruno Paixão

    A partir de agora, a "conselho" da UEFA, a bola não deve ser colocada fora quando um jogador estiver caído no campo, pois terá de ser o árbitro a decidir se o jogo deve ser interrompido ou não. Tudo bem, já que essa éra uma das armas que muitas equipas usavam para perder tempo. O problema é que alguns "artistas" do apito podem aproveitar este "conselho" para favorecer uma ou outra equipa. Como fez Bruno Paixão, um dos três metralhas de Setúbal, que durante o jogo da Supertaça, viu Derlei no chão mas não interveio para não parar o ataque do Sporting, e só apitou, quando, depois de um pontapé para a frente, Adriano ficou isolado e estava em óptima posição para fazer o golo.

    Eu fui impedido de fazer um golo. Não sei como é que acontece um jogador sair isolado na frente do guarda-redes e o jogo ser parado. Nunca vi isso na minha vida. Foi uma jogada normal onde eu vou fazer o golo e ele pára o jogo porque está um jogador caído no chão com a mão na cabeça. É médico agora? Esse lance vai ficar para a história. Nem sei o que eu vou dizer para a minha família sobre esse lance.
    Adriano
  • Enviar um comentário

    Pesquisar neste blogue

    Mensagens populares

    Subscrever / Email

    Enter your email address:

    Delivered by FeedBurner

    Subscribe to PORTOGAL by Email

    2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!

    2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!
    Hulk e Sapunaru foram castigados com apenas 3 e 4 jogos.
    tag cloud Portugal Top Estou no Blog.com.pt blogaqui? Assinar com Bloglines Futebol Português Eu sou Desportista