Seja bem-vindo. Hoje é

24/03/08

Se Maria José Morgado fosse honesta...

Atentas as circunstâncias, decidiu esta Comissão proceder ao cúmulo jurídico das sanções e condenar o arguido numa coima única no montante de 30 mil euros, lê-se no comunicado da Comissão do Mercado dos Valores Mobiliários (CMVM).

Não teve direito a primeiras páginas nem abriu telejornais, mas José Veiga acabou de ser multado pela CMVM por não ter respeitado o dever de comunicar a sua participação na sociedade Estoril SAD. O que isto quer dizer? Que, como todos sabiamos, o veigarista mentia quando, em 2004, jurava não ter acções da Sad do Estoril. Tinha e não éram poucas. Ao ponto de, na altura em que se realizou o jogo da batota, também conhecido como jogo do Algarve, o senhor Veiga ser uma pessoa com enormes responsabilidades nos dois clubes. Assim, enquanto no Benfica éra director desportivo, na Sad do Estoril brincava aos accionistas maioritários e mandava em toda a gente. Mesmo no presidente que aceitou jogar a 300 kms de distância para dar "uma alegria aos benfiquistas do Algarve". E por isso acabou de ser multado em 30 mil euros, que talvez venha a pagar um dia. Ou não. afinal de contas quem deve cerca de dez milhões, cinco deles ao fisco, não serão uns miseráveis 30 mil a mais ou a menos que lhe vão tirar o sono. E o caso vai acabar por morrer por aqui.

Mas não devia. Porque para além da divida à CMVM, também existe uma divida ainda mais importante, à verdade desportiva. E essa, caso existisse justiça no futebol português, podia e devia ser paga, não por José Veiga, nem sequer por Luís Filipe Vieira ou António Figueiredo, mas pelo Benfica com a perda do título de campeão 2004/05.

Na altura, Xavier apontou o dedo a José Veiga, director-geral da SAD do Benfica: “Ouvi José Veiga dizer ao [treinador do Estoril] Litos, logo no final do jogo, que ele ia para o desemprego”, afirmou Xavier, à Rádio Renascença, um dia depois da partida, atirando-se depois ao árbitro: “Parecia que estávamos num jogo de apresentação do Benfica. O árbitro ficou com umas botas deles. Chegou uma altura que me fui embora porque estava enojado”.
Enviar um comentário

Pesquisar neste blogue

Mensagens populares

Subscrever / Email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Subscribe to PORTOGAL by Email

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!

2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!
Hulk e Sapunaru foram castigados com apenas 3 e 4 jogos.
tag cloud Portugal Top Estou no Blog.com.pt blogaqui? Assinar com Bloglines Futebol Português Eu sou Desportista