Seja bem-vindo. Hoje é

13/07/07

Sim e não.

  • A F.C. Porto – Futebol, SAD e Ibson acordaram prolongar o contrato do médio brasileiro por mais duas temporadas, alargando a sua duração até 2011. Ficou ainda definido que, durante a presente época, o atleta representará o Flamengo, do Brasil.
    Em primero, gostaria de dar os parabéns à Sad por não fazer a vontade ao jogador e ao pai dele. Em segundo, dizer que, como ainda não conheço os novos reforços não posso afirmar que o empréstimo de Ibson é o primeiro erro de Jesualdo nesta época. No entanto, mesmo que eles venham a confirmar aquilo que esperamos deles, se Lucho sair que é o que parece que vai acontecer, porque razão temos de ficar sem os dois jogadores? Não entendo.

  • Lucas Mareque foi cedido ao Independiente e Maciel rescindiu contrato tal como já fizera Areias. Sendo assim, só me resta dizer desejar que sejam muito felizes...longe do FC Porto.

  • Só de pensar nesta possibilidade, já fico assustado. Então é assim: Segundo os espanholitos do "As", Ricardo Quaresma vai ser jogador do Real Madrid na próxima época por troca com Júlio Baptista e mais alguns milhões. Até aqui tudo bem, o problema é que os milhões são apenas cinco porque como o jogador do FC Porto tem uma cláusula de rescisão de 25 milhões (que o Real está pronto a accionar), o Júlio Baptista está, segundo o jornalista, avaliado em 20 milhões de euros. Logo 25 - 20 dá 5. Será?! Não, não pode ser...é mau demais para ser verdade!

  • A estagiar na holanda, os bi-campeões nacionais golearam com facilidade uma equipa de amadores mas que tem instalaões de fazer inveja a mais de 90% dos nossos clubes profissionais. Aliás, o mesmo acontece na Suíça onde qualquer clube tem quatro ou cinco campos relvados para treinar, por isso a pergunta: Porque razão a enorme maioria dos clubes portugueses não têm?

  • Será que isto vai aparecer nas televisões ou vai ser abafado como são todas as notícias que não interessam aos lamps?

  • A justiça vai funcionar? Deus te ouça carago!
    Já agora, como andam os amigos João, Lucilio, Bruno e Paulo? Continuam a aparecer às jantaradas do Sapo e do Calor da Noite? E o outro amigo João, o Rodrigues, continua a pagar muito de telefone ou a factura aumentou em relação à época em que a Apaf foi campeã? E o José, o tal que é apenas amigo e não trabalha para o Benfica, já paga impostos ou agora como não tem emprego anda a pedir esmolas à porta da igreja da freguesia de Benfica em troca de beijocas? E o dinheiro da transferência do outro amigo mais escurinho? Sim carago, o Mantorras. Já apareceram os cinco milhões? Não? Só os entregas quando os tipos da Hervey Management Limited das Ilhas Virgem, ou então os outros da Videla Investments, do Wyoming, fizerem uma opa ao Benfica?

  • Como sempre acontece, quando existe um estudo que mete o Benfica no primeiro lugar, os jornais tugas tratam de noticiar o acontecimento. Foi o que mais uma vez aconteceu para aplauso dos fundamentalistas.
    Mas se para a Interbrand, a marca, no caso dos clubes de futebol, é o «activo mais permanente porque a época desportiva desvanece-se em ciclos de vitórias ou derrotas, os jogadores transferem-se ou emprestam-se, os patrimónios dos clubes alienam-se, os patrocínios mudam, mas o eu permanece na alma e na mente dos apoiantes é, sem sombra de dúvida, a marca do clube», isso quer dizer que o valor de uma marca tem a ver com o número de adeptos. Certo? Sendo assim, basta um clube da China ter umas centenas de milhões de adeptos para a marca desse clube ser a mais importante a nivel mundial. E então quando um clube faz todas as épocas mais dinheiro que os outros na venda de jogadores, isso não terá a ver com a marca? Por exemplo, o Simão Sabrosa que até é o melhor jogador do Benfica tem uma cláusula de rescisão de apenas vinte milhões, muito longe dos trinta milhões com que o Anderson e o Pepe foram vendidos e no entanto não aparece nenhum clube interessado nele. Mas, e agora pergunto: Se ele fosse jogador do FC Porto continuava a ter pouco interesse ou já estava a jogar num campeonato mais competitivo? É que tenho a certeza que para além do valor que os jogadores têm, os ataques que todas as épocas fazem ao nosso clube tem muito a ver com a marca "FC Porto" por saberem que é a marca portuguesa que mais garantias lhes dá. Ou não será assim?
  • Enviar um comentário

    Pesquisar neste blogue

    Mensagens populares

    Subscrever / Email

    Enter your email address:

    Delivered by FeedBurner

    Subscribe to PORTOGAL by Email

    2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!

    2009/10: 92 dias e 18 jogos depois fez-se justiça!
    Hulk e Sapunaru foram castigados com apenas 3 e 4 jogos.
    tag cloud Portugal Top Estou no Blog.com.pt blogaqui? Assinar com Bloglines Futebol Português Eu sou Desportista